Elefante Marinho repousa em Arraial do Cabo

Na manhã desta segunda, dia 04/05/2020, a equipe do CTA-Serviços em Meio Ambiente, responsável pela execução técnica do Programa de Monitoramento de Praias das Bacias de Campos e do Espírito Santo (PMP-BC/ES), foi acionada pela Guarda Ambiental de Arraial do Cabo para averiguar a presença de um elefante marinho avistado por populares no costão rochoso da praia Grande.

O animal da espécie Mirounga leonina, conhecido popularmente como elefante-marinho-do-sul, foi avaliado in loco pela equipe veterinária do CTA. Durante a avaliação externa foi observado que o pinípede apresentava bom escore corporal e presença de lesões superficiais distribuídas ao longo de todo o corpo, sem sinais de sangramento, não havendo necessidade de intervenção veterinária.

Com base nas características externas do animal foi possível determinar que o exemplar encontrado hoje em Arraial do Cabo é o mesmo que havia sido registrado anteriormente nos municípios do Rio de Janeiro e Maricá pelas equipes do Laboratório de Mamíferos Aquáticos e Bioindicadores da UERJ (MAQUA) Maqua Uerj – Botos, Golfinhos e Baleias e Econservation Estudos e Projetos Ambientais, responsáveis pela que execução técnica do Programa de Monitoramento de praias naquelas localidades.

A equipe do PMP-BC/ES isolou e sinalizou a área em que o elefante-marinho foi encontrado e neste momento a Guarda Ambiental de Arraial do Cabo auxilia na manutenção da segurança do animal.

Os elefantes-marinhos possuem o corpo grande e robusto e apresentam uma modificação no lábio superior semelhante a uma tromba que é mais desenvolvida nos machos adultos. Com pelagem de cor cinza, tendendo a marrom ou amarelo nos adultos, os machos podem atingir tamanho máximo de 4,67m de comprimento total e peso de 3.692kg, enquanto as fêmeas alcançam 2,50m e 359 kg.

No Atlântico Sul se reproduzem na Península Valdéz (Argentina) e Ilha Juan Fernandes (Chile), com as fêmeas atingindo a maturidade sexual entre os 2 e 3 anos enquanto que nos machos a maturação ocorre entre os 4 e 6 anos. Durante a gestação que ocorre ao longo de aproximadamente 11 meses, os filhotes nascem entre setembro e outubro com comprimento médio de 1,30m e 45 a 50kg, podendo alcançar de 110 a 160 kg após 23 dias de lactação.

São considerados excelentes mergulhadores, podendo atingir 1.000 metros de profundidade durante os mergulhos alimentares que podem durar até duas horas. Alimentam-se de cefalópodes (povos e lulas), peixes e ocasionalmente podem caçar focas e pinguins.

O PMP-BC/ES é uma condicionante ambiental exigida pelo IBAMA no âmbito do licenciamento ambiental das atividades de exploração e produção de petróleo da Petrobras nas bacias de Campos e do Espírito Santo. Esta atividade é desempenhada de Itaúnas, município Conceição da Barra (ES) até Itaúna, município de Saquarema (RJ). Caso encontre marinhos vivos ou mortos no litoral destes estados, nos acione através dos canais de comunicação do PMP-BC/ES: 0800-0395005 (Espírito Santo) e 0800-0262828 (Rio de Janeiro).